Assine nossa
newsletter

Como funciona a Lei Marcial em um cenário de guerra?

30.11.2023
Autor: Colab
governo

O contexto da guerra que ocorre entre a Rússia e a Ucrânia nos ilustra de diferentes formas como os países tendem a se organizar em circunstâncias de crise extrema, na qual a vida de boa parte da população está em risco iminente e a soberania do país está ameaçada. 

Em fevereiro de 2022, a Ucrânia teve que mobilizar a sua Lei Marcial diante dos ataques russos. Mas afinal de contas, o que é uma Lei Marcial?

Antes de entender o que a lei é, vale destacar que o termo “marcial” está relacionado a questões de guerra e bélica, ou seja, que envolvem conflitos armados de grandes proporções entre diferentes países. 

Definição

Diante da excepcionalidade que é este cenário de guerra — considerando que em situações comuns há uma certa prevalência de estabilidade nos países (salvo algumas exceções) —, a sua organização interna, assim como as leis e demais instituições que foram criadas e pensadas para serem aplicadas em contextos de normalidade, costumam não ser ideais para lidar com circunstâncias de crise extrema, já que lidam com um tipo de conflito atípico.

Neste sentido, a Lei Marcial entra em cena para tratar de questões que as leis civis não abrangem. No entanto, estes dois tipos de lei não atuam simultaneamente, ou seja, a instituição da Lei Marcial suspende as previsões das leis civis e, no seu lugar, instaura as leis militares.

Autor: Colab

Descubra como a IA está transformando governos com o Chat GPT


Baixar

Colab na Mídia

22.02.2024

Segurança de dados: um ponto que merece a atenção das gestões públicas

13.02.2024

Transformação digital: como ela pode contribuir na gestão pública colaborativa

08.02.2024

4 fatores que comprovam a relevância da inovação no governo

21.02.2024

Engajando a população: 6 estratégias para uma gestão pública eficiente