Assine nossa
newsletter

Democracia e sua importância no agora

30.11.2023
Autor: Colab
governo

Você já deve ter se deparado com os ataques à democracia, não é à toa que o Brasil lidera o ranking de países que mais se afastou dela em 2020. De acordo com estudos levantados pelo relatório Variações da Democracia, divulgados em março do ano passado, foi avaliada a situação de 202 países referente à liberdade de expressão, disseminação de informações falsas e ataques à imprensa. O Brasil ficou em quarto lugar.

No artigo do Apolitical, escrito por Naouma Kourti, a pesquisadora científica da Comissão Europeia levanta questões em torno desse questionamento. “Vivemos uma época democrática em que se questiona o sistema que acompanhou e sustentou o avanço das sociedades ocidentais nos últimos séculos”, comenta a especialista. Tal avanço democrático sustentou a economia e criou laços e acordos comerciais com outros países.

Porém muitos desses países que se dizem “democráticos” usam a imagem da porta pra fora, mas, na realidade, estão sendo autocráticos com poderes autoritários e absolutos, surgidos através de movimentos populistas. A pandemia revelou ainda mais ações da autocracia por ter seguidores com pensamentos inverso à ciência, incapazes de salvar vidas no momento mais crítico da maior crise sanitária vivida nos últimos tempos.

Para enfrentar essa disputa de sistemas, a especialista Naouma explica que o populismo prospera diferentemente na democracia como um lugar para todos. “Autocratas usam o sistema de votação para reivindicar internacionalmente que foram democraticamente eleitos.” Essa manipulação da opinião pública elimina imediatamente a oposição e a liberdade de expressão, onde acabam se tornando ‘ ditaduras eleitas’.

“Na realidade, voto é apenas uma pequena porção do processo democrático. A parte principal e mais importante é o debate a partir de um pluralismo de opiniões, que leva à co-criação de melhores políticas públicas. E isso só pode existir com a garantia da liberdade de expressão das pessoas. A liberdade e o respeito são valores que sustentam os pilares do pluralismo e do debate sobre os quais se fundamentam as democracias.” conclui Kourti. 

Em resumo, trata de permitir que o sistema político seja capaz de se adaptar às mudanças impostas pela crise e inovação, fomentando novos movimentos com políticas públicas e debates em conjunto das organizações da sociedade civil.

Autor: Colab

Aprenda a digitalizar serviços públicos com nosso curso gratuito exclusivo. Transforme a experiência do cidadão e aumente a eficiência da sua prefeitura.


Inscreva-se!

Colab na Mídia

22.04.2024

Veja como o Colab melhorou a eficiência de alguns municípios

17.04.2024

Veja como o Colab atua na prevenção contra a dengue

16.04.2024

Atendimento multicanal: veja detalhes da parceria entre Colab e Prefeitura de Santo André

10.04.2024

Otimize os dados do seu município e melhore a prestação de serviços

13.03.2024

Indicadores de performance na gestão pública: fatores para levar em consideração

22.02.2024

Segurança de dados: um ponto que merece a atenção das gestões públicas

13.02.2024

Transformação digital: como ela pode contribuir na gestão pública colaborativa

08.02.2024

4 fatores que comprovam a relevância da inovação no governo

24.06.2024

Gestão colaborativa: transforme a relação entre cidadãos e administração pública

16.05.2024

Saiba qual é o poder do design de serviços na transformação do setor público