Assine nossa
newsletter

Gestão Pública do Amanhã: O Modelo de Transição

30.11.2023
Autor: Colab
governo

Onde as pessoas que querem transformar a gestão pública no Brasil devem focar seus esforços? Como elas podem atuar para revolucionar nossos serviços públicos?Essas são perguntas que vimos muita gente quebrando a cabeça para responder nesses anos todos de Colab, muitas vezes a pessoa está inserida no setor público e não sabe as respostas.

Percebemos isso e que muitas pessoas queriam aprender mais e para se tornarem agentes de transformação dentro do setor público, por isso criamos a série Gestão Pública do Amanhã onde abordamos esse e outros temas.

O primeiro episódio fala sobre a gestão pública como é hoje e o modelo de transição para uma gestão mais inovadora, mas para entender esse modelo precisamos antes entender quem está contribuindo e como para que ele funcione.

Os Setores

É comum ver pessoas falando sobre o primeiro, segundo e terceiro setor, porém ,aqui incluímos o cidadão, academia e o contexto políticos como “setores” com agentes de transformação.

O primeiro setor é o público, ou seja, prefeituras, secretarias e o governo. Esse setor aparenta estar atrasado em comparação aos outros, como se não estivesse se atualizando para a era tecnológica de transição pela qual estamos passando.

Quando falamos em transformação no setor público, estamos falando em transformar as pessoas que o compõem para que a mudança venha de dentro de altere a organização.

O segundo setor é a iniciativa privada também conhecida como mercado. O mercado vem se reinventando e cresce o número de startups, empresas de consultorias, serviços e até aplicativos que estão surgindo para auxiliar o setor público e promover mudanças.

A iniciativa pode ser privada, mas as mudanças são para todos.O terceiro setor é mais conhecido por pensar no bem público, aqui entram as ONGs com seus voluntários que buscam ajudar os cidadãos através de projetos que não possuem apoio financeiro dos governos.

O cidadão são os habitantes da cidade que podem contribuir para as mudanças auxiliando ONGs, cobrando serviços do setor público, fiscalizando o que está sendo feito e exercendo sua cidadania.

A academia reúne todos que estão estudando e analisando a gestão pública, assim como criando conteúdos profundos sobre o tema. Infelizmente, ainda falta uma ponte que leve esse conteúdo da teoria para a prática.

O contexto político fala sobre o ambiente político e como as mudanças nele podem afetar a gestão pública. Alguns fatores do contexto político que afetam a gestão pública são o período de eleições, orçamento disponível e o apoio que o governo possui para tomar certas medidas.

O contexto político é um dos agentes de maior peso, por isso é necessário entendê-lo para saber quais medidas podem ser tomadas para tirar os projetos de inovação do papel.

Com tantos setores envolvidos e tanta gente que os compõem, o que falta é criar um link que os conecte para termos uma melhor gestão pública.

É sobre esse link e outras coisas que iremos falar nos episódios da série Gestão Pública do Amanhã, se você ainda não se cadastrou aproveite para entrar agora no site e deixar o seu melhor e-mail que vamos te enviar o acesso para o conteúdo.

Continue acompanhando o blog para saber mais sobre gestão pública colaborativa.

Autor: Colab

Descubra como a IA está transformando governos com o Chat GPT


Baixar

Colab na Mídia

22.02.2024

Segurança de dados: um ponto que merece a atenção das gestões públicas

13.02.2024

Transformação digital: como ela pode contribuir na gestão pública colaborativa

08.02.2024

4 fatores que comprovam a relevância da inovação no governo

21.02.2024

Engajando a população: 6 estratégias para uma gestão pública eficiente