Assine nossa
newsletter

Niterói e a Qualidade de Vida

30.11.2023
Autor: Colab
governo

Quando perguntamos a alguém em qual cidade a pessoa deseja morar, é comum ouvir como resposta alguma das capitais e metrópoles do país. Contudo, uma pesquisa realizada pelo Grupo ZAP – do qual a ZAP Imóveis faz parte – revelou recentemente que o cenário está mudando.

A cidade de Niterói é a não capital mais desejada do Brasil e dá excelentes exemplos para as outras prefeituras sobre qualidade de vida do cidadão e segurança.

O que Niterói fez?

De acordo com a pesquisa divulgada pela Spin Inovações Imobiliárias em 2016, a cidade se destacou por ter o maior investimento por habitante entre as maiores cidades do país. Para ilustrar melhor isso, enquanto o Rio de Janeiro – a capital mais próxima de Niterói – investiu R$642,52 por habitante, Niterói estava investindo R$776,59 em infraestrutura e serviços públicos.

Parece pouca diferença, mas na prática isso tem muito impacto na vida dos cidadãos. A cidade também realizou investimentos em educação e saúde, graças a isso ela alcançou a sétima posição no Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM) e ficou em primeiro lugar entre as cidades do estado do Rio de Janeiro. De acordo com o censo, a cidade ainda tem a segunda maior renda do país.

A cidade de Niterói também investiu em mobilidade urbana e possui 35 quilômetros de malha cicloviária distribuída em várias regiões da cidade. A meta é que até 2020 a região conte com 60 quilômetros de ciclovias, ciclofaixas e ciclorotas.

A prefeitura  instalou bicicletários em pontos estratégicos da cidade  para oferecer auxílio aos ciclistas e tem projetos para promover a cultura cicloviária na região.

Autor: Colab

Descubra como a IA está transformando governos com o Chat GPT


Baixar

Colab na Mídia

22.02.2024

Segurança de dados: um ponto que merece a atenção das gestões públicas

13.02.2024

Transformação digital: como ela pode contribuir na gestão pública colaborativa

08.02.2024

4 fatores que comprovam a relevância da inovação no governo

21.02.2024

Engajando a população: 6 estratégias para uma gestão pública eficiente