Assine nossa
newsletter

Pandemia e Eleições em 2020: E agora?

30.11.2023
Autor: Colab
cidadao

O ano de 2020 está sendo imprevisível e o poder público precisa se adaptar constantemente para cuidar da população, gerenciar as crises e executar as tarefas cotidianas.

Por isso, um estudo do TSE mostra que 55 países adiaram as eleições que aconteceriam nos próximos meses, a fim de conseguir uma maior participação cidadã e oferecer ambientes seguros para os eleitores.

Aqui no Brasil, as eleições são municipais para eleger prefeitos e vereadores. Contudo em meio a pandemia que estamos vivendo, como ficam as eleições de 2020?

Neste artigo vamos responder a essa dúvida e falar um pouco sobre o que a França fez para lidar com a situação.

O que deve acontecer com as eleições municipais?

De acordo com a pesquisa realizada pela CNT (Confederação Nacional de Transportes), 62,5% da população prefere que as eleições sejam adiadas. Contudo, o adiamento das eleições tem muitas implicações que podem favorecer ou atrapalhar as candidaturas.

Além disso, diversos processos de fiscalização são realizados após as eleições, com prazos estabelecidos pela lei, para garantir a transparência das candidaturas.

Até o momento, a Câmara dos Deputados aprovou o adiamento das eleições com os dois turnos para acontecer nos dias 15 e 29 de novembro de 2020. O TSE estuda sobre o uso de máscaras e o que será feito quanto ao uso da biometria. 

Neste ano, serão eleitos os futuros prefeitos e vereadores dos municípios brasileiros.

Autor: Colab

Descubra como a IA está transformando governos com o Chat GPT


Baixar

Colab na Mídia

22.02.2024

Segurança de dados: um ponto que merece a atenção das gestões públicas

13.02.2024

Transformação digital: como ela pode contribuir na gestão pública colaborativa

08.02.2024

4 fatores que comprovam a relevância da inovação no governo

21.02.2024

Engajando a população: 6 estratégias para uma gestão pública eficiente